Superbid leiloa bens da massa falida do grupo alagoano Laginha

Antiga sede do grupo tem lance inicial superior a R$ 15 milhões

Parte dos ativos da massa falida do grupo alagoano Laginha Agroindustrial, do ex-deputado e usineiro João Lyra, foram colocados a leilão pela justiça de Alagoas. Até o dia 04 de agosto, os itens estarão disponíveis para os interessados na plataforma de leilões online, Superbid. A falência do grupo sucroalcooleiro foi decretada em 2012, mas desde novembro de 2008 a Laginha encontrava-se em recuperação judicial.

No momento, um dos principais ativos a venda é o terreno e imóvel onde funcionava a sede da Laginha Agroindustrial, uma das principais empresas do grupo, especializada no plantio de cana de açúcar e produção de etanol. O lote está avaliado em R$ 15,7 milhões. Além disso, também serão ofertados um apartamento localizado no bairro Ponta Verde, em Maceió, com valor inicial de R$ 650 mil e uma aeronave modelo BEM-820C Carajá, com lance inicial de R$ 340 mil.

O valor arrecadado no leilão será utilizado para pagamento de credores, fornecedores de serviços, instituições financeiras e tributos fiscais. O leilão será comandado pelos leiloeiros Renato Moyses e Osman Sobral e Silva. Os lances podem ser realizados por meio do portal Superbid (www.superbid.net), plataforma online de leilões, presente em cinco países da América Latina. Também é possível realizar lances presenciais na sede da companhia, em São Paulo, na Avenida Engenheiro Luís Carlos Berrini, 105, Edifício Berrini One – 4º Andar. Mais informações pelo telefone (11) 4950-9400.

0 Comments